Zema esquece de secretária do PT em anúncio de hospital universitário

Gleide Andrade foi uma das principais articuladoras do projeto
Gleide Andrade é oposição ao governo de Zema. Foto: Divulgação.

O governador Romeu Zema (Novo) esqueceu da secretária nacional de Finanças do PT, Gleide Andrade, ao anunciar nesta terça-feira (21) que o Hospital Regional de Divinópolis será universitário. A tesoureira foi uma das principais articuladoras do projeto junto ao Governo Federal, porém não foi citada no anúncio feito por representantes políticos.

O Fator apurou que Gleide ficou bastante irritada e prepara um vídeo-resposta contra o governador.

Gleide

Nos últimos dois anos, Gleide participou de inúmeros encontros com o Ministério da Educação e técnicos de empresas interessadas no projeto. Em outubro, chegou a dizer que o hospital universitário era uma realidade e que teria o apoio do presidente Lula (PT).

O anúncio feito por Zema e outros políticos frustrou os planos da tesoureira, que contava com a concretização do projeto para melhorar sua imagem em Divinópolis

Novidade

A reunião em Brasília também contou com a presença do ministro da Educação, Camilo Santana, do secretário estadual de Saúde, Fábio Baccheretti, e do prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo (Novo).

A parceria é com a Universidade Federal de São João del Rei (UFSJ). Os trâmites seguem para concretizar proposta de atuação no hospital, previsto para ser inaugurado em 2025.

Leia também:

MDB presta solidariedade a deputado mineiro condenado por corrupção e confia em reversão de sentença

Fávaro vai à Câmara explicar fiasco no leilão de arroz

Cassinos voltam à mesa da CCJ do Senado

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse