Crise no PSD faz partidos ficarem de olho em Fuad; convite já foi feito

Dentro do PSD, comenta-se que o prefeito pode não ser o candidato à PBH
Prefeito Fuad Noman, de Belo Horizonte, é possível candidato à reeleição na PBH
Prefeito Fuad: PSD pode definir outro candidato / Foto: Reprodução PBH

Enquanto enfrenta uma crise dentro do próprio partido, o PSD, o prefeito Fuad Noman tem recebido convites para se filiar a outras legendas menos turbulentas, caso precise de uma para ser candidato. Mais recentemente, interlocutores do recém-criado PRD – resultado da fusão entre Patriota e PTB – colocaram a Legenda à disposição do prefeito.

O convite não foi à toa: dentro do PSD, há uma ala influente que fala (a quem quiser ouvir!) que Fuad não será o candidato do partido. O presidente estadual da legenda, o deputado estadual Cássio Soares, é fiel aliado do prefeito, mas outras importantes lideranças pessedistas abriram fogo interno.

Se o casamento com o PSD de fato restar em divórcio, Fuad não encontrará dificuldades para se abrigar em outro partido – além do próprio PRD. Um de seus aliados mais próximos, o secretário de Casa Civil de Minas Gerais, Marcelo Aro, possui forte influência no Podemos e tenderia, em caso de necessidade, levar o prefeito para o partido.

Leia também:

Ex-deputado Narcio Rodrigues vira réu por suposto desvio em convênio em MG

A viagem de José Dirceu a Belo Horizonte

MPF vai investigar invasões e ameaças contra indígenas Pataxó em MG

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse