Governo Lula irá exonerar secretário Helvécio Magalhães

Ele assumiu a secretaria de Atenção Especializada à Saúde, do Ministério da Saúde, em janeiro de 2023
O secretário de Atenção Especializada à Saúde do Ministério da Saúde, Helvécio Miranda Magalhães Júnior, durante a abertura do Seminário Internacional de Atenção Especializada à Saúde, na sede da Organização Pan-americana de Saúde (Opas), em Brasília
Secretário já trabalhou na PBH e no Governo de Minas em gestões do PT. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Lula irá exonerar o secretário de Atenção Especializada à Saúde do Ministério da Saúde, Helvécio Magalhães, depois que foi citado na reportagem do Fantástico, da TV Globo, que mostrou a precariedade dos hospitais da rede federal do Rio de Janeiro.

A informação foi dada por interlocutores da gestão federal ao O Fator. A exoneração deverá ser publicada nesta terça-feira.

No domingo, reportagem do Fantástico mostrou que entre os motivos da precariedade nas unidades de saúde está a disputa de cargos por grupos políticos. Um dos apadrinhamentos citados foi feito pelo secretário.

Helvécio Magalhães foi secretário de Saúde e Secretário Municipal de Planejamento, Orçamento e Informação  da Prefeitura de BH durante a gestão Pimentel, de 2004 a 2008. Também foi secretário de Estado de Planejamento e Gestão no mandato do petista entre 2015 e 2018.

Leia também:

STF vira palco de nova batalha judicial sobre ações de prefeituras contra mineradoras no exterior

A queda de braço entre o PT e o PRD pelo apoio do Republicanos em Contagem

Pontapé inicial do novo PTB em Minas tem Saraiva Felipe, Apolo Heringer e ex-deputados

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse