Justiça mantém Carnaval no Parque Municipal de BH

Com a Praça da Estação em obras, Parque Municipal vai abrigar o palco da folia na edição da festa deste ano
Imagens aéreas do Parque Municipal Américo Renné Giannetti, o Parque Municipal, no Centro de Belo Horizonte
Parque vai abrigar um dos palcos da folia (FOTO: Vander Bras/PBH)

A Justiça negou, no fim da tarde desta sexta-feira, o pedido para suspender o Carnaval no Parque Municipal Américo Renné Giannetti, conhecido como Parque Municipal, no Centro de Belo Horizonte. A área verde vai abrigar o palco da folia na edição da festa deste ano.

O juiz Thiago Grazianne Gandra, da 3ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública Municipal , considerou que a ação popular é via inadequada para fazer este tipo de solicitação.

Na decisão, o magistrado ressaltou que a ação popular “revela-se inadequada para requerer a condenação em obrigação de fazer ou não fazer, obviamente, já que as obrigações de fazer ou não fazer “são faces da mesma moeda”. “A ação popular não se revela via adequada para se pleitear a imposição de obrigação de fazer ou não fazer”, afirmou.

Diante disso, determinou a extinção do processo.

O pedido

Petições foram criadas na Internet para impedir o evento no parque. Algumas delas já contam com milhares de assinaturas. A preocupação é em relação aos animais que vivem na área verde, como os gatos, que podem ser impactos com o evento.

O advogado Igor Rodrigues Oliveira entrou com uma ação popular na Justiça pleiteando a suspensão do evento. No documento, ele cita os impactos que podem ser provocados nos animais, e também a proximidade do parque com a área hospitalar na cidade.

Leia também:

STF vira palco de nova batalha judicial sobre ações de prefeituras contra mineradoras no exterior

A queda de braço entre o PT e o PRD pelo apoio do Republicanos em Contagem

Pontapé inicial do novo PTB em Minas tem Saraiva Felipe, Apolo Heringer e ex-deputados

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse