PF prende dois em Minas por participação nos atos de 8 de janeiro

Envolvidos descumpriram medidas judiciais
Entre os alvos, 170 pessoas foram classificadas como foragidas. Foto: Agência Brasil
Entre os alvos, 170 pessoas foram classificadas como foragidas. Foto: Agência Brasil

A Polícia Federal prendeu, nesta quinta-feira (6), dois envolvidos nos atos antidemocráticos de 8 de janeiro de 2023 que estavam sendo procurados por descumprimento de medidas judiciais. A operação faz parte da 28ª fase da operação Lesa Pátria, que investiga a organização e os responsáveis pela depredação das sedes dos Três Poderes em Brasília.

Em Governador Valadares, foi preso o ex-policial militar Nilton Barbosa dos Santos. Ele já havia sido preso em janeiro de 2023. Em Ipatinga, foi capturada a empresária Ana Paula Rodrigues.

Ainda há outros mandados em aberto contra alvos mineiros.

Ao todo, a PF cumpre 208 medidas judiciais expedidas pelo STF em 18 Estados e no DF. Além de prisões, também há mandados de busca e de recolocação de tornozeleiras eletrônicas.

Entre os alvos, 170 pessoas foram classificadas como foragidas. Até as 16h45 desta quinta, 48 pessoas haviam sido presas.

Leia também:

Psol aciona Justiça por suspensão da lei que criou ‘censo do aborto’ em BH

MP denuncia famílias que adotaram homeschooling em cidade mineira

Justiça vê irregularidade em nomeação no interior de Minas e cita deputado em sentença

Acompanhe O Fator no Instagram

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse