Vereadores querem suspender aumento da passagem de ônibus em BH

São necessárias 14 assinaturas para apresentar o projeto e 21 votos para a aprovação
Plenário da CMBH / Foto: Divulgação

Um grupo de vereadores planeja apresentar um projeto de resolução para suspender o aumento da tarifa de ônibus em Belo Horizonte. A movimentação teve início ainda na noite desta terça-feira (26), após o anúncio de que a passagem passaria de R$ 4,50 para R$ 5,25.

São necessárias 14 assinaturas para apresentar o projeto e 21 votos para a aprovação. O grupo que lidera o movimento é formado por parlamentares aliados do presidente da Casa, Gabriel Azevedo (sem partido), e pelo bloco de esquerda da Casa. Com o recesso da Câmara em janeiro, há expectativa de que o tema seja tratado apenas em fevereiro do ano que vem.

Nessa tramitação, caso a ideia avance, criar-se-á uma comissão especial para formular um parecer que, se aprovado, seguirá para o plenário. A argumentação do grupo é de que, legalmente, a prefeitura só pode realizar um único aumento de tarifa por ano – e este já teria sido feito em março, quando o Executivo reajustou o valor para R$ 6, que foi recuado posteriormente após a aprovação dos subsídios às empresas.

Leia também:

Ex-deputado Narcio Rodrigues vira réu por suposto desvio em convênio em MG

A viagem de José Dirceu a Belo Horizonte

MPF vai investigar invasões e ameaças contra indígenas Pataxó em MG

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse