ArcelorMittal compra quase 30% da Vallourec

Transação deve ser concluída no segundo semestre deste ano
Imagens aéreas mostram a unidade da Vallourec no Barreiro, em Belo Horizonte
Belo Horizonte abriga uma das unidades da Vallourec, na Região do Barreiro (FOTO: Vallourec/Divulgação)

A ArcelorMittal se tornou a principal acionista da Vallourec com a compra de 28,4% das ações da fabricante francesa de tubos de Aço. Agora, a gigante siderúrgica passa a ocupar o posto que antes pertencia a americana Apollo.

Nessa quarta-feira, a empresa afirmou que adquiriu 65,2 milhões das ações da fabricante de tubos de aço, o que representa participação em quase 30%. O acordo total foi de 955 milhões de euros, sendo 14,64 euros por ação.

A transação deverá ser concluída no segundo semestre deste ano, de acordo com comunicado divulgado pela ArcelorMittal.

A compra é considerada estratégica pela siderúrgica, pois 85% dos 2,2 milhões de toneladas de capacidade anual de laminação da Vallourec concentram-se em centros de produção integrados e de baixo carbono nos EUA e no Brasil.

O Fator apurou que ainda não é certo como a transação vai afetar as operações da Vallourec em Minas Gerais. No estado mineiro, a empresa conta com as unidades Barreiro e Jeceaba que são focadas na produção de tubos de aço sem costura.

Leia também:

MDB presta solidariedade a deputado mineiro condenado por corrupção e confia em reversão de sentença

Fávaro vai à Câmara explicar fiasco no leilão de arroz

Cassinos voltam à mesa da CCJ do Senado

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse