Conselho de Ética do Senado se reúne após mais de 1 ano parado

Colegiado ainda não tem nem relatório do caso Chico Rodrigues, revelado em 2020
Senador Jayme Campos no Conselho de Ética
Jayme Campos (União-MT), presidente do Conselho de Ética do Senado: devagar quase parando. Foto: Pedro França/Agência Senado

O Conselho de Ética do Senado tem reunião marcada na manhã desta terça (9).

Será a primeira reunião em mais de um ano, e nada vai acontecer.

Dos 19 itens da pauta, quatro têm relatórios “pelo arquivamento”. Nos outros 15, o relatório consta como “não apresentado” e portanto não pode haver votação.

A última reunião do colegiado foi em 14 de junho de 2023. No ano passado, foram apenas duas reuniões.

De 2020 a 2022 o Conselho de Ética do Senado não se reuniu nenhuma vez.

No fim de 2020 a revista Crusoé revelou o dinheiro na cueca do senador Chico Rodrigues. Na época, os partidos Rede e Cidadania apresentaram representação contra Chico. Em 2023 (!) Renan Calheiros foi designado relator, mas ele declinou da tarefa no dia seguinte.

O Conselho de Ética da Câmara é bem mais agitado. Em 2021, discutiu e aprovou a cassação de Flordelis.

Leia também:

Psol aciona Justiça por suspensão da lei que criou ‘censo do aborto’ em BH

MP denuncia famílias que adotaram homeschooling em cidade mineira

Justiça vê irregularidade em nomeação no interior de Minas e cita deputado em sentença

Acompanhe O Fator no Instagram

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse