Deputada pede audiência pública na ALMG para discutir fechamento do BDMG Cultural

A decisão para o encerramento das atividades foi tomada pelo Conselho de Administração do banco
Deputada Lohanna (PV) durante reunião da Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia
Deputada Lohanna (PV) quer mais detalhes sobre o fim do espaço. (Foto: Alexandre Netto / ALMG)

A deputada Lohana (PV) apresentou um requerimento, nesta quarta-feira, na Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), pedindo uma audiência pública para discutir o fechamento do BDMG Cultural. O Fator apurou que as atividades no local serão encerradas ainda neste ano.

No documento, Lohana sugere algumas questões a serem debatidas no encontro. Entre elas, as razões que levaram os gestores a optar pelo fechamento. Também solicitou o relatório de atividades realizadas por este órgão sob a gestão do governador Romeu Zema (Novo).

A deputada quer saber, ainda, as condições e perspectiva de transferência das competências do BDMG Cultural para à Fundação de Arte de Ouro Preto (FAOP).

35 anos de história

Como mostrou O Fator, a decisão de fechar o BDMG Cultural, que tem 35 anos de história, foi votada no Conselho de Administração do banco nessa terça-feira.

O governo Zema criou uma estratégia para readequar os investimentos na área: o BDMG poderá realizar financiamentos por meio da Fundação de Artes de Ouro Preto (FAOP).

Leia também:

STF vira palco de nova batalha judicial sobre ações de prefeituras contra mineradoras no exterior

A queda de braço entre o PT e o PRD pelo apoio do Republicanos em Contagem

Pontapé inicial do novo PTB em Minas tem Saraiva Felipe, Apolo Heringer e ex-deputados

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse