O Fator: nada do que foi será, do jeito que já foi um dia

Hoje estreia o site que será – anotem! – a melhor e mais influente “página de nicho” (negócios, política e Poder Público) de Minas Gerais

No começo dos anos 2000, fez um sucesso danado uma espécie de poema – ou canção, não estou bem certo -, do excelente Pedro Bial, chamado “Filtro Solar”. Era um troço bacaninha, meio autoajuda, e me lembro especialmente de um trecho, pois à época já me tocava bastante:

“Não se sinta culpado por não saber o que fazer da vida. As pessoas mais interessantes que eu conheço não sabiam, aos 22 anos, o que queriam fazer da vida. Alguns dos quarentões mais interessantes que eu conheço, ainda não sabem”.

Hoje, não posso dizer que não sei o que quero da vida. Mas tudo o quero agora, não necessariamente é o que irei querer amanhã. Após 24 anos como empresário, em sequência a 12 anos como executivo de uma multinacional alemã, mergulho de vez na comunicação. Será minha derradeira e definitiva empreitada? Duvido. Mas que seja, como ensinou o poeta, “eterna enquanto dure”.

O FATOR

Em 2014, comecei a escrever publicamente. Em 2016, fui convidado pelos Diários Associados a hospedar o blog “Opinião Sem Medo” no Portal UAI. Em 2018, me tornei colunista do jornal Estado de Minas e do mesmo Portal. Em 2020, foi a vez do site da IstoÉ me honrar com o convite para colunista. Em 2022, a versão impressa da revista passou a me ter em suas páginas. Este ano, mais uma honraria: escrever para a revista Encontro, de Belo Horizonte. Sem falar em uma incrível jornada de 14 meses na Rádio Itatiaia, de onde saí para a Rede 98, ambas mineirinhas como eu (tá bem, sou brasiliense, confesso).

Neste sábado (9/12), estreia extraoficialmente o site O Fator, que será – anotem! – o melhor e mais influente “site de nicho” (negócios, política e Poder Público) de Minas Gerais. Por que extraoficialmente? Bem, porque o lançamento oficial será em fevereiro/março do ano que vem. Até lá, eu e Lucas Ragazzi (um capítulo à parte) iremos publicar em regime de “soft opening”, fazendo ajustes técnicos, aprendendo a operar o publicador e homologando a página.

O site não me livrará do fardo empresarial, pois um negócio como qualquer outro com receitas, despesas, impostos e a rotina inerente a uma empresa. Mas meu foco será o jornalismo, e não mais a atividade comercial. Meu trabalho será levar conteúdo de excelência (na velocidade e objetividade que os novos tempos exigem) a um público altamente exigente e qualificado.

AMIGOS PARA SEMPRE

Apuração, informação e opinião! Nada, ou muito pouco, de “hard news”. Absolutamente nada de achismos e suposições. Nada de pop-ups e banners irritantes de publicidade, piscando sem parar. Leitura simples, objetiva, refinada. Bastidores exclusivos e opiniões “sem medo”, às vezes, admito, um pouco malcriadas, hehe. O Fator, repito, será o melhor e mais influente site (em seu segmento) de Minas. Arrogância minha? Exagero meu? Bem, pela trajetória acima, acho que não. E pelo sócio que irá me acompanhar, menos ainda.

Lucas Ragazzi dispensa comentários. Um Puta Profissional não com um, mas com dois Ps maiúsculos. Um garoto maravilhoso, carismático, companheiro. O genro que todo pai gostaria. Conheci-o na Itatiaia e imediatamente fiquei impressionado com a qualidade do seu trabalho. Mais impressionado ainda com a quantidade de “bastidores” diários a que tinha acesso. Eu me considero o sujeito da música do Roberto Carlos (eu quero ter um milhão de amigos…), pois sou abençoado por tantos queridos ao meu redor, mas o Lucas, na boa, um milhão é fichinha.

Tornamo-nos próximos rapidamente. “O santo bateu”, como dizem. E o Galo grudou! Recentemente, após me confidenciar que deixara a Rádio para empreender no jornalismo, não titubeei e o convidei para este projeto. Eu acabara de ser orientado pelos Diários Associados a “buscar novos desafios”, desde que em outro lugar. Ou seja: vaza! (eis uma pequena amostra do que terão por aqui: sinceridade na veia; sempre).

Eu planejava um site próprio, apenas de opinião. Ao me ouvir, Lucas imaginou e desenhou o formato deste O Fator; e cá estamos. Uma dobradinha do acaso que o destino uniu. Uma dupla a la Paulinho e Hulk – ele o Hulk, é claro. Amigos um do outro. Amigos de vocês. Amigos para sempre, espero. Que rufem os tambores, pois lá vamos nós.

Leia também:

STF vira palco de nova batalha judicial sobre ações de prefeituras contra mineradoras no exterior

A queda de braço entre o PT e o PRD pelo apoio do Republicanos em Contagem

Pontapé inicial do novo PTB em Minas tem Saraiva Felipe, Apolo Heringer e ex-deputados

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse