Mudança na Fazenda pode continuar e presidente da Codemge é cotado

Thiago Toscano é visto por interlocutores como sucessor natural na secretaria
Com a batalha que o governo vai enfrentar nos próximos meses - entre federalização, privatização, RRF e negociação da dívida - também se pontua que ter um nome acostumado à interlocução com a Assembleia será necessário na Fazenda.
Com a batalha que o governo vai enfrentar nos próximos meses - entre federalização, privatização, RRF e negociação da dívida - também se pontua que ter um nome acostumado à interlocução com a Assembleia será necessário na Fazenda.

O atual secretário-adjunto de Fazenda, Luiz Carlos Gomes, deve assumir o comando da pasta nos primeiros dias em que a exoneração de Gustavo Barbosa do cargo for publicada, mas O FATOR apurou que o governo Zema não descarta promover mais alterações na pasta – incluindo indicar outro nome para assumir a secretaria.

Recentemente, interlocutores do mercado apontaram o presidente da Codemge, Thiago Toscano, como um sucessor natural para liderar a Fazenda mineira. Nos últimos dias, de fato, o nome de Toscano ganhou musculatura nas especulações sobre o futuro da pasta.

À frente da Codemge desde 2019, Toscano é considerado um nome técnico que agrada o alto escalão de Zema, além de ter boa relação com o Novo e com interlocutores muito próximos do governador, como os empresários Salim Mattar e Flávio Roscoe, presidente da Fiemg.

Com a batalha que o governo vai enfrentar nos próximos meses – entre federalização, privatização, RRF e negociação da dívida – também se pontua que ter um nome acostumado à interlocução com a Assembleia será necessário na Fazenda.

Outra “coincidência” que interlocutores apontam como ponto positivo para Toscano é a relação pessoal com o secretário do Tesouro Nacional, Rogério Ceron, que lidera as negociações da dívida de Minas com a União. Os dois trabalharam juntos na São Paulo Parcerias, quando Ceron presidia a empresa da Prefeitura de São Paulo.

Leia também:

Psol aciona Justiça por suspensão da lei que criou ‘censo do aborto’ em BH

MP denuncia famílias que adotaram homeschooling em cidade mineira

Justiça vê irregularidade em nomeação no interior de Minas e cita deputado em sentença

Acompanhe O Fator no Instagram

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse