Vem aí a ‘família Aro’ da Assembleia

Secretário de Casa Civil vai repetir estratégia que já utiliza na Câmara de BH
Neste caso, os 10 parlamentares devem começar a votar em bloco nas votações estratégicas e de mais relevância.
Neste caso, os 10 parlamentares devem começar a votar em bloco nas votações estratégicas e de mais relevância.

O vice-governador Mateus Simões promoveu, na noite desta quinta-feira (22), um jantar para cerca de 10 deputados estaduais. A reunião informal foi articulada pelo secretário de Estado de Casa Civil, Marcelo Aro, no que tem sido interpretado como uma ação de Aro para formalizar um grupo aliado dentro da Assembleia Legislativa mineira – algo semelhante com o que o secretário já lidera dentro da Câmara de Belo Horizonte, com uma esquadra de vereadores que forma a chamada “família Aro”.

Neste caso, os 10 parlamentares devem começar a votar em bloco nas votações estratégicas e de maior relevância.

Pelo que apurou O FATOR, o grupo conta com parlamentares de partidos diversos que, em 2022, contaram o auxílio de Aro nas campanhas eleitorais. O jantar com Mateus Simões é um esforço para, além de aproximar o vice-governador de parlamentares, já unir o grupo como um bloco informal.

Leia também:

Ex-deputado Narcio Rodrigues vira réu por suposto desvio em convênio em MG

A viagem de José Dirceu a Belo Horizonte

MPF vai investigar invasões e ameaças contra indígenas Pataxó em MG

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse