Lula não convidou Zema para agenda de inauguração de fábrica em Nova Lima

Governador não foi convidado mas, provavelmente, também não iria
Romeu Zema e Lula no Minascentro
Lula virá a Minas para a cerimônia de inauguração da fábrica de insulina da Biomm, em Alphaville. Foto: Divulgação/Planalto

Se o avanço de projetos de interesse de Minas com o governo federal depender de agendas públicas entre Zema e Lula, é melhor não criar tanta expectativa. Pelo menos até o início da tarde desta quinta-feira (25), a equipe do presidente não havia convidado o governador para participar da agenda nesta sexta (26) em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Lula virá a Minas para a cerimônia de inauguração da fábrica de insulina da Biomm, em Alphaville. Apesar da falta de convite, Zema também, provavelmente, não estaria presente de qualquer forma: o governador mineiro vai na sexta pela manhã para a abertura da Safra de Cana e para a Expozebu, no Triângulo Mineiro.

A propósito, a Biomm tem, entre os seus fundadores e principais “cabeças” o ex-ministro Walfrido dos Mares Guia, que nutre uma amizade pessoal com Lula como poucos possuem. A vinda do presidente à inauguração passa muito por essa relação.

A Biomm diz ter realizado investimentos na casa dos R$ 800 milhões na fábrica. Segundo a empresa, “a fábrica de Nova Lima tem capacidade para produzir até 40 milhões de frascos e carpules (seringas) de biomedicamentos por ano”, o correspondente a “mais de 80% da demanda nacional”.

No começo deste mês, a Anvisa aprovou o funcionamento da fábrica, que será a partir de agora a única fabricante de insulina no Brasil. Hoje o produto é totalmente importado.

Leia também:

STF vira palco de nova batalha judicial sobre ações de prefeituras contra mineradoras no exterior

A queda de braço entre o PT e o PRD pelo apoio do Republicanos em Contagem

Pontapé inicial do novo PTB em Minas tem Saraiva Felipe, Apolo Heringer e ex-deputados

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse