Moraes autoriza visita de Cleitinho a ex-diretor da PRF preso

Outros senadores também vão participar do encontro; servidor é acusado de tentar interferir nas eleições de 2022
Cleitinho se encontrará com Silvinei Vasques. Fotos: Divulgação.

O senador Cleitinho (Republicanos) vai visitar o ex-diretor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Silvinei Vasques, na cadeia da Papuda, no Distrito Federal. A autorização foi assinada hoje pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

Outros 16 senadores bolsonaristas também vão participar da visita. Cleitinho é o único mineiro.

Quem vai visitar?

Moraes autorizou a presença dos seguintes senadores: Hamilton Mourão (Republicanos-RS), Damares Alves (Republicanos-DF), Rogério Marinho (PL-RN), Sergio Moro (União-PR), Ciro Nogueira (PP-PI), Marcos Pontes (PL-SP), Tereza Cristina (PP-MS), Eduardo Girão (Novo-CE), Esperidião Amin (PP-SC), Izalci Lucas, Zequinha Marinho (Podemos-PA), Jaime Bagatolli (PL-RO), Luiz Carlos Heinze (PP-RS), Jorge Seif (PL-SC), Plínio Valério (PSDB-AM), Cleitinho Azevedo (Republicanos-MG) e Magno Malta (PL-ES).

As visitas, previamente agendadas, devem acontecer em grupos de até 3 parlamentares por vez. Não será permitida a entrada de seguranças, familiares e assessores. A decisão também proíbe a realização de fotos ou gravações.

Entenda

O ex-diretor da PRF está preso desde 9 de agosto do ano passado. Silvinei é suspeito de tentar interferir na corrida presidencial de 2022. No dia do segundo turno, a Polícia Rodoviária realizou operações em rodovias do Nordeste que atrasaram o tráfego de ônibus que levavam eleitores para os locais de votação.

As operações foram interpretadas como uma maneira de desencorajar eleitores irem às urnas. As pesquisas apontavam que Lula era o candidato favorito na região.

Leia também:

Psol aciona Justiça por suspensão da lei que criou ‘censo do aborto’ em BH

MP denuncia famílias que adotaram homeschooling em cidade mineira

Justiça vê irregularidade em nomeação no interior de Minas e cita deputado em sentença

Acompanhe O Fator no Instagram

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse