Psol e PT alinham ato para formalizar união na disputa pela Prefeitura de BH

Federações encabeçadas pelos dois partidos unificaram pré-candidaturas
Reunião no Planalto reuniu lideranças e pré-candidatos. Foto: Divulgação
No mês passado, Lula se reuniu com Bella e Rogério em Brasília Foto: Divulgação

As federações partidárias lideradas por Psol e PT preparam um ato para oficializar a união das duas coalizões na disputa pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). O evento, agendado para o sábado (13), terá, como pano de fundo, a busca de lideranças de esquerda pela formação de uma frente ampla. O local escolhido para o evento fica na Lagoinha, nas proximidades do Centro.

Os pessolistas lançaram a pré-candidatura da  deputada estadual Bella Gonçalves, enquanto pelo lado dos petistas o pré-candidato é o deputado federal Rogério Correia. A tendência é que o parlamentar fique a cargo de encabeçar a chapa formada pelas federações.

Na semana passada, a deputada estadual Ana Paula Siqueira, da Rede — partido que compõe a federação encabeçada pelo Psol — anunciou a retirada de sua pré-candidatura em prol do apoio a Rogério.

A união da federação Psol-Rede ao PT dá forma a uma coligação de cinco partidos. Isso porque a coalizão liderada pelos petistas tem, ainda, PCdoB e PV.

Leia também:

Psol aciona Justiça por suspensão da lei que criou ‘censo do aborto’ em BH

MP denuncia famílias que adotaram homeschooling em cidade mineira

Justiça vê irregularidade em nomeação no interior de Minas e cita deputado em sentença

Acompanhe O Fator no Instagram

Veja os Stories em @OFatorOficial. Acesse